Health Center Wu Xing

Patricia Mello

Campo Grande / Barra da Tijuca / Recreio

(021) 98724 6284 (Oi) e WhatsApp
(021) 98242 0067 (Tim)

patricia.melloc@gmail.com

Depressão pós parto

16/10/2013 18:46

Depressão pós parto.

Não é a toa que na Medicina Chinesa  diz que o “Sangue  aloja a mente”, consequentemente um sangue fraco gerará desequilíbrios emocionais.

Muitos de nós não entendemos as causas de uma mãe que enfrenta depressão após ter o seu bebe.  Na Medicina oriental os sintomas são avaliados levando em consideração o período antes e durante a  gestação,  por exemplo:  como era a menstruação dessa mulher, se havia TPM, se teve dificuldade em engravidar, como foi o parto.

Dizemos em MTC que o feto até o seu nascimento se alimenta do sangue da mãe e o enfraquece.  Assim na gravidez a mulher utiliza  o seu Xue (sangue) para nutrir o feto.  A quantidade de Xue (sangue) aumenta gradativamente no útero para manter a gravidez e a energia da mulher diminui , pois a quantidade de Xue (sangue) é maior que o Qi (energia) e estes estão destinados ao desenvolvimento do feto.

Deficiência do XUE (sangue).

No parto há uma sobrecarga do QI da mulher, perda de XUE, expulsão súbita da placenta lesando o Qi original, perda excessiva de Líquidos orgânicos esvaziamento dos meridianos Ren Men,  Chong Mai propensos ao ataque de agentes externos.

Devido  a perda de  sangue e líquido orgânicos  gera a deficiência do coração, afetando o estado emocional e provocando assim  emotividade lábil, facilidade em chorar, tristeza, angústia, insónia, agitação, preocupação.

O tratamento consiste em sessões de acupuntura, moxabustão , uso de florais e óleos essenciais para restalecer  o xue e a deficiência do coração .